Category Archive: administração do consultório

Saiba como aplicar o neuromarketing em seu consultório – Parte 2

Saiba como aplicar o neuromarketing em seu consultório – Parte 2

blog artigo Isabella

Conheça as vantagens da aplicação desta ciência em seu ambiente de trabalho

Para quem trabalha na área da saúde, entender como funciona a mente do paciente

é fundamental para que o mesmo esteja receptivo aos serviços oferecidos no consultório. Para isso, o neuromarketing é fundamental para atrair e fidelizar pacientes.

leia a primeira parte desse artigo publicado há duas semanas http://www.neom-rb.com.br/blog/?p=252

Continuação:

Marketing Sensorial

Esta estratégia de mercado está relacionada com os cinco sentidos do ser humano: visão, olfato, audição, tato e paladar, e faz parte de neuromarketing. Para os profissionais da saúde existem algumas dicas que podem auxiliar na aplicação em consultórios ou demais ambientes de recepção e atendimento ao paciente.

 

1- Visão:

  • Recepção: não aceite pó, riscos ou marcas de envelhecimento nos móveis que estão reluzentes;
  • Invista em um bom projeto de iluminação para que o paciente perceba a harmonia e limpeza do ambiente;
  • Coloque quadro e flores na recepção;
  • Não coloque relógio a vista, afim de que o paciente não tenha pressa de sair do consultório;
  • Coloque uma televisão na recepção, que transmita propagandas do seu consultório a fim de que se transmita a visão, missão e valores e responsabilidade dos proprietários.

A recepção deve ser considerada o cartão de visita da empresa, pois é ali que o cliente terá a primeira impressão da instituição. Decore seu consultório de acordo com a especialidade oferecida, invista no local para que o mesmo seja um ambiente agradável para os frequentadores. Coloque revistas disponíveis na recepção e na sala de espera é uma boa opção para que o paciente se sinta bem enquanto aproveita para ter um momento de boa leitura enquanto aguada.

2- Audição

  • Capacite os seus colaboradores a fim de que todos entendam a importância de um atendimento de qualidade, onde a simpatia, atenção e pró-atividade e gentileza são pontos fortes precisam ser demonstrados;

 

  • Atente-se para que nenhum colaborador faça suas refeições na recepção. Zelar pela organização e limpeza de seu ambiente de trabalho e ser sempre cordial é imprescindível.

 

2.1 – Orçamento:

  • Não deixe seu paciente pensar muito, na hora do orçamento utilize palavras simples mostrando de forma fácil e simplificada o que ele quer saber, não deixe dúvidas sobre o que lhe foi passado. Caso deixe o sistema límbico ele não aceitará. Ou seja: ele não irá adquirir o serviço;
  • Nunca reduza o preço na primeira reclamação do paciente. Muitos profissionais não sentem confiança quando passam o valor cobrado do tratamento e no primeiro questionamento do paciente já diminuem o preço. Isso pode mostrar que você é inseguro. Caso aconteça, facilite a forma de pagamento.

3- Olfato

Instigar o marketing olfativo de seu paciente é fundamental para o mesmo se sinta a vontade no local, bem como na hora da tomada de decisão.

  • Desenvolva um aroma suave e agradável, exclusivo de sua clinica. Invista em aromas que podem ser usadas na recepção e banheiros, por exemplo: Hoje existem diversas empresas especializadas em desenvolver aromas personalizados.

 

  • Mantenha sempre limpo o ambiente do consultório. Monitore salas, banheiros, recepção e demais ambientes para evirar eventualidades. Não use produtos com odor muito forte, é importante que o paciente entre no local e perceba a limpeza.

 

4- Paladar

  • É importante colocar a disposição de seus pacientes, um espaço onde ele possa se servir de água sem gelo e gelada, chá ou café enquanto aguarda o atendimento. O paladar está ligado de maneira direta ao afeto. Isso acontece porque desde quando éramos recém-nascidos criamos um vínculo afetivo com aqueles que nos alimentaram.

5- Tato

  • Se alguém deixa de estender a mão para cumprimentar um visitante, tal atitude é considerada como falta de gentileza e educação. Se a pessoa estende a mão, mas não possui um “bom aperto”, uma imagem negativa é transmitida o que em alguns casos pode impactar na conversa ou reunião. Um aperto de mão fraco transmite a ideia insegurança e desinteresse. O firme indica confiança, segurança e interesse pelo outro e deve ser usado no primeiro contato do dentista com o paciente.
  • Deixe em sua recepção álcool em gel para o paciente usar assim que chegara seu consultório. É muito importante que ele sinta as mãos limpas. Além disso, coloque um sabonete sedoso de preferência em forma de espuma que deixe as mãos hidratadas. Mão limpa e hidratada exerce função de proteção e evita a entrada de micro-organismos que podem trazer infecções para seu consultório.

 

Para atingir a excelência não podemos continuar sempre fazendo as mesmas coisas esperando resultados diferentes.

É importante saber que o próprio dentista pode aplicar o neuromarketing em sua clínica de uma forma simples e criativa conforme foi apresentado no texto.

 

Isabella Guimarães de Lima
Assistente de Marketing Neom-RB
Especialista em Comunicação em Marketing

Clique aqui para acessar o site da NEOM-RB

Continue Reading

Saiba como aplicar o neuromarketing em seu consultório

Conheça as vantagens da aplicação desta ciência em seu ambiente de trabalhoblog artigo Isabella

Para quem trabalha na área da saúde, entender como funciona a mente do paciente é fundamental para que o mesmo esteja receptivo aos serviços oferecidos no consultório. Para isso, o neuromarketing é fundamental para atrair e fidelizar pacientes.

Para entender melhor, o cérebro humano está dividido em três sistemas. Um deles, denominado cérebro triuno que é essencial para a aplicação desta ciência em seu consultório. Esta parte do cérebro esta dividida em três subsistemas chamados de reptiliano, límbico e neocórtex.

São eles:

  • Reptiliano: sistema primitivo que se aproxima com os existentes em animais, pois é focado na sobrevivência. Nele está presente a nossa agressividade.
  • Límbico: focado na emoção e sentimentos. Está ligados às principais emoções do ser humano como a alegria, tristeza, surpresa, nojo, medo, raiva e etc.
  • Neocórtex: parte racional do cérebro, responsável pela lógica das ações.

Segundo Philip Kotler por meio de estudos ao neuromarketing, é possível identificar que 95% de decisões são inconscientes ou emocionais e apenas 5% da tomada de decisão são racionais.

Algumas técnicas da área da publicidade demonstram exemplos da aplicação do neuromarketing no mercado com base na psicologia, como por exemplo, as lojas de roupas, que mantêm o ar-condicionado em uma temperatura mais elevada durante o inverno, para que o cliente tenha a sensação de que o tempo está ainda mais frio e, com isso, convencê-lo a comprar agasalhos. Além disso, existem lanchonetes que borrifam aroma de bacon em seu ambiente para aguçar o paladar dos clientes, tudo isso para que o mesmo esteja receptivo aos produtos e serviços oferecidos no local e influenciar na hora da compra.

É importante enfatizar que o neuromarketing no seu consultório não serve para enganar o paciente, mas sim deixa-lo mais suscetível ao tratamento que ele próprio veio procurar.

 

Marketing Sensorial

Esta estratégia de mercado está relacionada com os cinco sentidos do ser humano: visão, olfato, audição, tato e paladar, e faz parte de neuromarketing. Para os profissionais da saúde existem algumas dicas que podem auxiliar na aplicação em consultórios ou demais ambientes de recepção e atendimento ao paciente.

1- Visão:

  • Recepção: não aceite pó, riscos ou marcas de envelhecimento nos móveis que estão reluzentes;
  • Invista em um bom projeto de iluminação para que o paciente perceba a harmonia e limpeza do ambiente;
  • Coloque quadro e flores na recepção

 

Isabella Guimarães de Lima
Assistente de Marketing Neom-RB
Especialista em Comunicação em Marketing

 

O artigo continua na próxima edição do blog:  http://www.neom-rb.com.br/blog/?p=263

 

Continue Reading